Data da publicação: 15/11/2016 publicado por Vanessa Oliveira Lira

Fazenda irá descontinuar emissores gratuitos da Nota Fiscal Eletrônica e Conhecimento de Transporte Eletrônico em 2017


O que isso significa na prática?

Que as empresas terão que emitir NF-e através de emissores próprios, e não vai mais adiantar a gambiarra de alguns Sistemas de Gestão que geram o arquivo pra ser importado pelo emissor gratuito, ou o sistema gera de ponta aponta ou a empresa vai er que trocar!

Modernizar é preciso, muitas empresas trocaram seus ERPs há muitos anos atras.Antigamente, o mais importante era ter capacidade para otimizar um processo de fabricação repetitivo e de grande volume.

Mas o mundo mudou, e com ele as demandas tecnológicas e o ambiente de trabalho. Hoje, poucos empresários conseguem ter sucesso se concentrando em ERPs antigos, porque os ciclos dos produtos são curtos e os clientes exigentes. A busca por resultados rápidos e precisos exige um comportamento diferente das empresas.

No que diz respeito a emissão de NF-e as micro e pequenas empresas precisam ficar atentas, investir em um Sistema de qualidade:

Sistema de Emissão confiável, estável e seguro é importante já que a empressa emissora é responsável pela guarda dos arquivos XMLs por 5 anos

A Secretaria da Fazenda recomenda que os usuários que já tenham o aplicativo instalado, façam a migração para soluções próprias antes que a introdução de novas regras de validação da NF-e e do CT-e impeçam o seu correto funcionamento.

SEFAZ-SP Notícias

A praticidade na emissão da Nota Fiscal, o envio para o destinatário do arquivo XML, a impressao da DANFE, guarda dos XMLs com segurança, tudo isso são pontos importantes a serem analisados antes de contratar um sistema emissor de NF-e.

Quer um Emissor de NF-e que atenda sua empresa de forma simples e segura?
vanessa@Si14.com.br
+5511 97591-5105
11 3807-6256 | 11 2609-0041

Vanessa Oliveira Lira

Vanessa Oliveira Lira

Empresária | Empreendedora | Sócia e Co-fundadora Si14 | Diretora de Vendas e Marketing na Si14